Otimização de Desktop

Informações sobre implementação e gerenciamento de PCs e dispositivos corporativos

Arquivos de tags: WindowsClient

Infográfico Windows 7 Enterprise com MDOP


O time de marketing de Windows da Microsoft divulgou recentemente um infográfico que sintetiza os benefícios do Windows 7 Enterprise com o Microsoft Desktop Optimization Pack (MDOP).

Clique na figura abaixo para ver o infográfico em seu tamanho original:

InfograficoWindows7_Enterprise

Se você usa na sua empresa o Windows 7 Professional (ou ainda está no Windows XP/Vista) vale muito a pena conhecer a dupla Windows 7 Enterprise + MDOP.

Para um comparativo mais detalhado sobre as edições corporativas do Windows 7 leia o artigo http://j.mp/w7comp

Ainda não conhece o MDOP? Comece por aqui: http://j.mp/w7mdop

Se você quiser imprimir esse material peque as páginas separadas, para fazer o frente-e-verso (acesse as duas miniaturas abaixo e salve as imagens em tamanho original):

Infografico_EsqInfografico_Dir

Anúncios

Trabalhando com as GPOs do Windows 7 em cima de Active Directory Windows Server 2003


Deixa eu adivinhar: ws03-active_v_rgbVocê está participando da migração do Windows XP para Windows 7, ainda usa AD 2003, e está preocupado em como gerenciar as GPOs do Windows 7 nesse cenário. Acertei?

Fique tranquilo, várias pessoas têm essa mesma preocupação, e o procedimento a ser seguido é muito tranquilo. Consiste em duas etapas:

  1. Replicar os modelos administrativos de GPO (arquivos .ADMX) do Windows 7 para o compartilhamento SYSVOL do seu domínio
  2. Usar o Windows Vista/Server 2008 ou superiores para gerenciar as GPOs

Acompanhe abaixo como prosseguir com isso:

Clique aqui para ler o restante do artigo

Conheça as regras de uso do Windows Thin PC


Ultimamente eu tenho recebido muitas dúvidas sobre o licenciamento do Windows Thin PC, e para evitar futuros problemas vamos esclarecer as suas regras de uso.

imageO propósito desse artigo é explicar essas regras com alguns exemplos, procurando esclarecer as principais dúvidas:

  • Em quais dispositivos eu posso instalar o Windows Thin PC?
  • O que eu posso instalar/executar no Windows Thin PC?

Se você ainda não conhece o Windows Thin PC comece por aqui: http://j.mp/wtpcbr.

Logo no anúncio desse produto eu vi vários artigos elogiando o seu desempenho em dispositivos com baixo poder de processamento, o que despertou o interesse de muitas pessoas, principalmente as que usam Netbooks. No entanto ao analisar o propósito e licenciamento do Windows Thin PC o uso em Netbooks pode ser ilegal.

Se você tem alguma pergunta que ficou de fora da relação abaixo inclua um comentário.

Vamos aos esclarecimentos:

Clique aqui para ler o restante do artigo

Como restringir o uso do Windows Virtual PC quando usamos o MED-V v2


imageGerenciamento é o maior benefício que as organizações buscam ao adotar o Microsoft Enterprise Desktop Virtualization (MED-V v2) para contornar problemas de compatibilidade de aplicações na migração do Windows XP para o Windows 7 Enterprise.

Em ambiente de alto controle o MED-V requer uma atenção especial, visto que por padrão ele permite que o usuário final manipule outras máquinas virtuais através do Windows Virtual PC (pré-requisito do MED-V), além de permitir que o usuário possa abrir todo o desktop do Windows XP virtual (como na figura acima).

Se isso para o seu ambiente pode ser um risco não de preocupe, a solução para aumentar a segurança do ambiente vem de um recurso nativo do Windows 7 Enterprise, o AppLocker.

Em primeiro lugar vamos entender qual o propósito de cada um dos executáveis do Windows Virtual PC, indicando quais são fundamentais, ou não, para o funcionamento do MED-V v2.

Clique aqui para ler o restante do artigo

Evento presencial sobre Implementação de Windows 7 e Windows Intune


Você ainda tem dúvidas sobre como modernizar os seus desktops corporativos? Aproveite a visita do Stephen Rose em São Paulo para ver e ouvir a estratégia da Microsoft sobre esse assunto, em uma manhã repleta de demonstrações no escritório da Microsoft em São Paulo.

Não se preocupe com o seu Inglês, pois haverá tradução simultânea em Português.

image

Saiba mais sobre o palestrante: Clique aqui para ler o restante do artigo

Como implementar o MBAM em laboratório (Microsoft BitLocker Administration and Monitoring)


imageNo TechEd Brasil 2011 eu apresentei com o Renato El Achkar uma sessão sobre implementação do Bitlocker através do Microsoft BitLocker Administration and Monitoring (MBAM), uma novidade do MDOP 2011 R2 (artigo relacionado).

Esse artigo foi escrito para você que tem interesse em testar essa tecnologia em laboratório, com base nos passos que seguimos para montar o laboratório usado no TechEd Brasil, na seguinte arquitetura:

image

Aproveite para conferir o PPT que usei nessa apresentação:

Clique aqui para ler o restante do artigo

Passo-a-passo para montar um laboratório de implementação de Windows 7 Enterprise e Office 2010


hydkitSe você está envolvido no processo de implementação de Windows 7 e Office 2010, e precisa montar um laboratório para prova de conceito, saiba que a Microsoft atualizou em Junho/2011 o pacote oficial com essa finalidade, chamado Hydration Kit 5.0 (a versão anterior era 4.27).

As duas principais vantagens em usar esse pacote são: economizar tempo e reduzir o erro humano no processo de instalação/configuração de cada produto.

Esse kit é composto por: arquivos de instalação dos produtos, scripts de automação, e um assistente gráfico parametrizável que instala/configura, no Windows Server 2008 R2, os seguintes papéis/produtos Microsoft (você escolhe quais deseja instalar):

  • Active Directory / DNS
  • DHCP
  • Windows Deployment Services
  • Windows Software Update Services SP2
  • System Center Configuration Manager 2007 SP2/ R3 (inclui o SCCM Toolkit)
  • Microsoft Application Virtualization 4.6 (conheça)
  • Application Compatibility Toolkit 5.6
  • Office Environment Assessment Tool
  • Office Migration Planning Manager
  • SQL 2008 R2
  • Microsoft Deployment Toolkit 2010 – pré-configurado e populado com:
    • Office 2010 – no formato tradicional e virtualizado pelo App-V
    • App-V Client
    • Windows 7 Enterprise x86 e x64 (trial)
  • Security Compliance Manager  (conheça)
  • Forefront Endpoint Protection

Quanto tempo você levaria para instalar e configurar esse ambiente completo, em cima de um servidor com Windows Server recém instalado? Uma semana? Dois dias? Oito horas?

Saiba que com o Hydration Kit você pode concluir essa tarefa em cerca de 2 horas (depende do hardware).

Acompanhe abaixo o processo passo-a-passo:

Clique aqui para ler o restante do artigo

Como distribuir softwares pelo Windows Intune


IntubeLogoBlogUma das grandes novidades da nova versão do Windows Intune (lançada no dia 17/Out) é a possibilidade de distribuir softwares remotamente.

Nota: Se você ainda não conhece o Windows Intune comece por aqui: http://bit.ly/intunebr

Para que essa tarefa seja possível, os clientes do Windows Intune contarão com um espaço de 2GB de armazenamento no Windows Azure para hospedar os arquivos de instalação. Se mais espaço for necessário haverá uma cobrança pelo excedente.

Acompanhe nesse artigo o passo-a-passo de instação remota do Adobe Acrobat Reader X.

Importante: Esse procedimento vale para qualquer software que possa ser instalado silenciosamente através de arquivo .EXE ou .MSI.

Clique aqui para ler o restante do artigo

Novidades do MDOP 2011 R2


Desde o dia 01/Ago/2011 o MDOP 2011 R2 está disponível para download através dos sites Microsoft Volume Licensing, MSDN e TechNet.

Agora você conta com SETE produtos para otimizar a sua infraestrutura de PCs, incluindo três novidades:

Além dessas três novidades o MDOP também é composto por: Microsoft Enterprise Desktop Virtualization (MED-V), Microsoft Advance Group Policy Management (AGPM), Microsoft Application Virtualization (App-V) e Desktop Error Monitoring (DEM).

Se você ainda não conhece o MDOP comece por aqui http://bit.ly/w7mdop

Como aposentar (ou ao menos reduzir) o uso de script de logon


Para quem administra uma rede de PCs em Active Directory, usar GPOs (Diretivas de Grupo) e script de logon não são novidadesgrouppolicy[1]. Geralmente as GPOs são usadas para impor definições (principalmente com foco em segurança e conformidade), mas quando é preciso definir/executar algo que foge desse escopo o script de logon acaba sendo uma saída.

Atualmente você executa alguma dessas tarefas a partir de script de logon? – mapear unidade compartilhada em rede, definir variável de ambiente, atualizar registro, atualizar arquivos, executar rotinas…

Se a resposta foi SIM você é um ótimo candidato a conhecer (e usar) um tipo gratuito de extensão de GPO, aposentando (ou reduzindo) o uso de script de logon.

Conheça nesse artigo o que é e como usar o recurso chamado “Group Policy Preferences” (GPP).

Já adianto que os requisitos mínimos são Active Directory 2003 e PCs com Windows XP (isso mesmo, não precisa mudar o domínio para 2008 ou superior).

Clique aqui para ler o restante do artigo

%d blogueiros gostam disto: